Mentiram muito para mim sobre o desarmamento

Mentiram muito para mim sobre o desarmamento

494
Compartilhar

MENTIRAM MUITO PARA MIM SOBRE O DESARMAMENTO
Autoria de Benedito (Bene) Gomes Barbosa e Flávio Quintela – 2015

“Mentiram para mim sobre o desarmamento é uma obra de dois autores. Por se tratar de um assunto com tantos detalhes técnicos, era necessário um especialista para dar solidez e precisão ao livro – papel de Bene Barbosa nesta obra. Mas dados e informações não são nada se não forem bem transmitidos às pessoas, através de um texto claro e fácil de se compreender – papel de Flavio Quintela. Os dois, trabalhando em conjunto, produziram esta obra ímpar na literatura brasileira…”

Sempre mantive uma balança de dúvidas acerca do desarmamento no Brasil, ao mesmo tempo que era a favor, mantinha aquela mesma dúvida “imbecil” se a população brasileira realmente teria cultura e educação de portar uma arma de fogo – jargão perpetrado pela galera da esquerda. Ao adquirir este livro, bem escrito em dez capítulos e dois apêndices essas dúvidas foram caindo por terra a cada página. Se mantivera aquela dúvida, não mais! Flavio Quintela junto com Bene Barbosa desconstroem toda falácia e os argumentos diluídos da “intelligentzia” sobre o desarmamento com dados e argumentos irrefutáveis sobre essa questão hoje tão em voga em nossa sociedade, desmascarando até mesmo o autoritarismo do atual governo que em 2005 menosprezou a vontade de 63,94% da população que optou pela liberação do porte de arma de fogo, e fez valer autoritariamente a vontade de uma minoria que optou pela proibição, que contabilizou apenas 36,06% da população.

Se você é a favor do porte de armas à população – de bem – civil, esta obra bem escrita vai corroborar com seu pensamento e alicerçar ainda mais suas bases. Entretanto, se você amigo, ainda alimenta o pensamento de que armas são um dos tentáculos de satanás, sugiro que leiam o quanto antes esta obra.

(Resenha de Marlon Souza)