As ideias conservadoras explicadas a revolucionários e reacionários

As ideias conservadoras explicadas a revolucionários e reacionários

266
Compartilhar

AS IDEIAS CONSERVADORAS EXPLICADAS A REVOLUCIONÁRIOS E REACIONÁRIOS
João Pereira Coutinho
EDITORA: Três Estrelas

O que dizer da profundidade e precisão cirúrgica que J.P Coutinho dá em sua exposição sobre o pensamento Conservador?
Um livro para um leitor habituado é relativamente pequeno, porém, denso em argumentos e referências. Uma obra bem embasada escrita em 104 páginas explicando o que é o pensamento Conservador, descontruindo o pensamento insipiente da ideia que o Conservadorismo mantém um “status quo” de paralisia – reacionarismo – com relação às ideias e o progresso e à estruturação político-econômico.

E refutará a ideologia dos revolucionários, apontando os defeitos e a patologia dos esquerdistas que pensam na utopia do mundo perfeito e igualitário como, à construção de um novo Éden na terra.

Coutinho também demonstra em seu livro o erro do reacionarismo; do problema em que se colocam por não manter um pensamento reformista prudente, a qual ele cita em um de seus ensaios intitulando como, “A Reforma Prudente”. Fazendo total separação do pensamento Conservador com a visão Reacionária, fazendo excelente dicotomia da visão que o Conservadorismo é uma ideologia (Reacionária) “imobilista fatalista pessimista”.

É uma obra altamente recomendável e que não deve ser lido apenas uma vez, mas duas, três, o quanto for possível. De tempos em tempos vale à leitura, mesmo que uma breve explanação sobre algum dos ensaios de Coutinho.

Resenha de Marlon Souza